04
mar
08

a mão que balança o quadro

No dia 25 de fevereiro, aniversário de Pablo Miyazawa e estréia do sistema de declaração de imposto de renda via torrent na suíça (caixa baixa no “S” porque é um bairro), o leitor deste encarrilhado de textos verticais foi apresentado a um texto de veracidade duvidosa.

Não que os demais sejam à prova de CPIs, mas quando Meninão publicou “Raúl, Oscar, Fidel e uma piada velha” não estava apenas criando mais uma piada velha e fazendo pouco caso dos que usam vermelho e dos quais fizemos pouco caso (em muitas ocasiões) desde sempre. Ele estava omitindo a existência de um braço direito, um testa de ferro, um nervos de aço que ainda é peça fundamental na negociação de royalties na América Latina. O nome desse sujeito? Não saber. Mas não dá pra ignorar que ele tá ali.

quadro.jpg

Ou o companheiro Oscar teria 4 pernas e um braço direito com dois antebraços? (O que, de certa forma, justificaria seu excelente desempenho em tiros de três pontos pela ala direita em Pan-Americanos)

Anúncios

1 Response to “a mão que balança o quadro”


  1. 1 Bode
    4 março, 2008 às 10:38 am

    Pra mim a grande questão é: “Pq Fidel está ganhando um quadro com um desenho de Leônidas 300 “fucking” Sparta?”


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


Anúncios

%d blogueiros gostam disto: